top of page

Precisamos guardar os mandamentos de Deus.

I Reis 2:3


Existem posições ideológicas que se opõe àquilo que a bíblia ensina como verdade a ser defendida e vivida por nós cristãos.


Duas delas são o feminismo e o machismo, nosso assunto no encontro HD de julho.


O Feminismo nas últimas décadas escancarou o preconceito contra a visão bíblica de complementaridade da mulher, chega considerar o patriarcado bíblico um dos principais responsáveis pela suposta opressão masculina sobre as mulheres ao longo dos séculos. Expoentes do movimento travaram uma guerra contra os princípios de feminilidade, casamento monogâmico e heterossexual, maternidade, castidade e sobre o papel da mulher como dona de casa.




Como sabemos os textos bíblicos devem ser sempre analisados em seu contexto.

Num deles diz que as mulheres devem ser submissas aos seus maridos. Ef 5:22


Isto é um ponto para o machismo? Com certeza não.


No contexto, nesse caso vemos ao mesmo tempo que a bíblia fala da submissão, ela fala do amor do marido. Dizendo que este deve amar sua mulher a ponto de dar a vida por ela. Ele deve viver para o bem e a felicidade dela, e tê-la como o bem mais valioso que existe, assim como Cristo olha para a igreja com valor inestimável.


Certamente não há diminuição da mulher, e o homem de maneira nenhuma deve usar de autoritarismo, violência e muito menos subjugar a mulher.


Pastor William Silva, 19.07.23.




5 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page